Menu
Quinta, 23 de Janeiro de 2020
(67) 9 9645-0564


Estudante é morta depois de entregar celular a ladrão em SP
A estudante Paula de Freitas Silva, 18, foi morta com um tiro no peito

A estudante Paula de Freitas Silva, 18, foi morta com um tiro no peito em uma tentativa de assalto quando ia para a escola, mesmo entregando seu celular para o assassino.

O crime ocorreu por volta das 19h15 de quinta (9) no Jardim Aclimação, em Santo André, no ABC paulista.

Segundo a amiga que acompanhava Paula, uma estudante de 17 anos, dois criminosos em uma moto as abordaram, além de mais duas vítimas, que iam juntas para a escola. Ao entregar o aparelho de segunda mão, que custara R$ 150, Paula disse "toma o celular".

O assassino interpretou a atitude como "um deboche", afirmou "você está me tirando" e disparou contra o peito da jovem. Em seguida, a dupla fugiu, sem levar nenhum objeto das vítimas.

Filha única, Paula foi velada e enterrada nesta sexta (10). A mãe da jovem passou mal e foi hospitalizada.

Matéria: FOLHAPRESS.