Menu
Terça , 9 de Agosto de 2022
(67) 9 9645-0564


Estado autoriza realização de novos concursos com mais de 900 vagas
Governador assinou decretos autorizando seleção em três secretarias.

O Governo de Mato Grosso do Sul deve ter novos concursos públicos estaduais para preenchimento de 909 vagas em três secretarias. Os decretos que autorizam a seleção foram assinados pelo governador Reinaldo Azambuja nesta sexta-feira (1) e publicados em edição extra no Diário Oficial do Estado. São vagas na Semagro (Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), Sejusp (Justiça e Segurança Pública) e Sefaz (Fazenda). Datas de inscrições e provas ainda não foram definidas.
 
“Queremos reforçar nossa segurança pública com novos policiais e bombeiros, aprimorar o trabalho ambiental em todo o Estado e também aperfeiçoar nossa área de tecnologia da informação. Estamos visando a melhora dos serviços públicos e o atendimento à população”, destacou o governador.
 
A maior parte das vagas é para as carreiras vinculadas à Sejusp. Serão 780, sendo 500 para soldados da Polícia Militar, 250 para soldados do Corpo de Bombeiros, 20 para oficiais da Polícia Militar e 10 para oficiais dos Bombeiros.
 
Na Semagro, serão 99 vagas abertas para a carreira de Fiscalização e Gestão Ambiental do Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul), sendo 61 para nível superior e 38 para nível médio, distribuídos entre Fiscal Ambiental (40 vagas), Analista Ambiental (21), Técnico Ambiental (10), Técnico em Serviços Ambientais (23) e Guarda Parque (5).
 
As últimas 30 vagas oferecidas vão para o cargo de Analista de Tecnologia da Informação na SGI (Superintendência de Gestão da Informação), que é vinculada à Sefaz. 
 
"Feito o concurso público vem mais policial para atender a demanda da população. Isso fortalece as políticas governamentais na área da segurança pública, mas também atendemos o meio ambiente e o nosso serviço de inteligência que cuida da TI [Tecnologia da Informação] do Estado. Então, é mais um complemento dos concursos que já validamos para fortalecer ainda mais as estruturas do Estado do Mato Grosso do Sul", completou Reinaldo Azambuja.
 
Com os decretos de autorização assinados, a SAD (Secretaria de Estado de Administração e Desburocratização), em conjunto com as secretarias que estão ofertando as vagas, vão organizar a realização dos concursos, estabelecendo normas e procedimentos para o recrutamento e seleção dos candidatos, observados os dispositivos da legislação vigente.
 
Editais vão definir as atribuições de comissão organizadora, informarão as fases e os requisitos para aprovação em cada uma delas, as modalidades das provas, seus conteúdos e forma de avaliação, requisitos legais para ingresso na carreira e o prazo de validade do concurso público. 

 FONTE/CRÉDITOS: Subcom